Travando o KDE contra modificações (lockdown / kiosk)

Neste post explicarei como realizar alguns lockdowns (travamentos na interface) no KDE não sofra modificações indesejadas por usuários que não possuem  conhecimento para a realização de tais modificações.

Nas últimas pesquisas relacionadas ao tema, me pareceu que uma interface gráfica para este recurso está em desenvolvimento, porém, inutilizável no momento.


Claro que, para quem conhece um pouco deste ambiente sabe que é muito simples voltar o desktop de um usuário para seu estado original ou até mesmo criar pontos de restauração, porém, este não é o foco aqui.

PS.: todas as alterações, explicadas neste post, necessitam que o logoff do usuário seja feito.

Vamos iniciar com o bloqueio dos Widgets e barra principal do ambiente. Antes de fazer o bloqueio, faça todas as modificações desejadas, pois a trava manterá as últimas modificações ativas. Abra o "dolphin - gerenciador de arquivos" e, na pasta HOME, aperte "alt+." (ou utilize o botão que ativa a exibição de arquivos ocultos). Vá para o caminho ".kde/share/config/" e procure por "plasma-desktop-appletsrc" e "plasma-desktoprc". Em ambos os arquivos, insira "[$i]" na primeira linha (veja o exemplo abaixo), salve.


Podemos realizar o mesmo procedimento com o "Dolphin", pois algumas pessoas sem querer arrastam seus módulos e acabam tendo um gerenciador de arquivos inutilizável por não conseguirem voltá-lo para o estado inicial. Da mesma forma que a sugestão anterior, realize as modificações necessárias, inclusive o "Lock Panels" e, na pasta ".kde/share/config/", procure por "dolphinrc" e insira "[$i]" na primeira linha  (como no exemplo mostrado acima). Esta modificação fará com que qualquer alteração feita após esta configuração seja perdida quando o aplicativo for fechado.

Existem inúmeras possibilidades de travamento com esta sugestão. Basta verificar, na pasta ".kde/share/config/" o aplicativo desejado (lendo o nome do arquivo) e inserir o "[$i]" na primeira linha do arquivo.

ATENÇÃO!
Este travamento está sendo aplicado em ambiente de usuário (e não para todo o sistema) e também pode ser modificado pelo mesmo. Se deseja que estas modificações sejam aplicadas para todo sistema e imutáveis pelo usuário, existem 2 possibilidades:

1- como root alterar a permissão de cada arquivo, deixando-os apenas como leitura para o usuário(s) em questão (é extremamente importante que a permissão de leitura seja mantida).

2- Copiar os arquivos modificados (com o "[$i]") para a pasta /etc/kde4.

Em pesquisas ne internet existem plugins (2, se não me engano) utilizados para a remoção do "Tool Box (cashew)", o botão que fica sempre disponível no canto direito superior (as vezes com o escrito "desktop", e outras vezes na forma de icone) do desktop. Muitas pessoas reclamam destes plugins, portanto, deixo uma outra dica de como elimitar este recurso, caso necessário. A dica consiste em impossibilitar o acesso a biblioteca utilizada pelo aplicativo, impedindo que ele seja executado e aberto. Para tanto, abra o terminal e cole o comando abaixo:

sudo chmod 600 /usr/lib/kde4/plasma_toolbox_desktoptoolbox.so

Se depois de todas estas dicas ainda sente a necessidade de um travamento ainda mais abrangente, pois o KDE está ou será usado em um ambiente público, por exemplo, baixe o arquivo abaixo e execute a opção desejada.

Download do Arquivo

No site abaixo estão descritas todas as possibilitades de lockdowns (em inglês):
http://techbase.kde.org/KDE_System_Administration/Kiosk/Keys

Travando o KDE contra modificações (lockdown / kiosk) Travando o KDE contra modificações (lockdown / kiosk) Reviewed by Marcos Garcia on fevereiro 19, 2014 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.