Criptografia do WhatsApp pode violar Constituição, diz MPF

E lá vamos nós mergulhar num grande problema que vai de encontro com todas as grandes empresas da atualidade e do futuro!!!

O Ministério Público Federal (MPF) em Rondonópolis, no Mato Grosso, instaurou um procedimento para investigar a criptografia ponta-a-ponta utilizada pelo WhatsApp. Segundo o MPF, se esse tipo de criptografia não permite qualquer tipo de interceptação dos dados por terceiros, ele estaria em desacordo com a Constituição Federal.

Na visão do MPF, uma tecnologia desse tipo estaria em desacordo com o artigo 5º da Constituição, que permite a quebra de tal sigilo em situações excepcionais por ordem judicial. O texto do artigo 5º pode ser lido abaixo... [leia mais]
Criptografia do WhatsApp pode violar Constituição, diz MPF Criptografia do WhatsApp pode violar Constituição, diz MPF Reviewed by Marcos Garcia on maio 06, 2016 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.